Após documentário “Quem matou Malcom X?” da Netflix, caso pode ser reaberto

Após documentário “Quem matou Malcom X?” da Netflix, caso pode ser reaberto

Este mês completa 55 anos que Malcom X, um dos maiores nomes do ativismo negro dos Estados Unidos e do mundo, foi assassinado durante um discurso em Nova Iorque.

Embora os atiradores tenham dito que a motivação foi Malcom ter abandonado e criticado a Nação do Islã, muitas dúvidas ainda cercam o caso e há quem diga que Malcom foi morto a mando do FBI por seu poder e popularidade.

“Quem matou Malcom X?” já está dispinível na Netflix desde 7 de fevereiro. No documentário em seis episódios, o jornalista e historiador Abdur-Rahman Muhammad nos mostra as lacunas que existem neste caso e tenta desvendá-las. Por conta disso, a Procuradoria Pública do distrito de Manhattan informou que fará uma revisão preliminar do caso.

Notícias afroliterárias

Leia as notícias mais recentes sobre literatura e cultura negra.